Feeds:
Posts
Comentários

Archive for fevereiro \28\UTC 2012

Para tentar manter isso aqui atualizado, resolvi postar os livros que estou lendo durante o ano. Cada mês irei postar meus comentários sobre as leituras do mês anterior. Deveria ter criado o post mais cedo e não no final do mês, mas tá valendo xD

O saldo de Janeiro são dois livros:

 

O Símbolo Perdido de Dan Brown

Simplesmente adoro os livros de Dan Brown, e mesmo que falem ah mas é tudo igual, a história é sempre a mesma e blablabla, eu gosto mesmo assim e pronto. A leitura é muito fluida e me empolgo fácil. Comecei a ler os livros dele quando geral tava na vibe do Código da Vinci, quando vi que ele tinha escrito outro livros e que um deles era Anjos e Demônios, lembrei que meu pai tinha esse livro e resolvi lê-lo antes do Código. Logo depois comprei Fortaleza Digital e em um dia tinha lido o livro, Ponto de Impacto demorou mais, terminei em um final de semana. O Código da Vinci demorei mais para ler, e li a versão ilustrada que saiu. Li eles sei lá, há uns 5 anos atrás? Então esse ano resolvi ler o Símbolo Perdido e ver se conseguia me empolgar como antigamente. Esse eu li no iPhone, mesmo tendo o físico, por questões de facilidade para ler, foi bom que pude controlar e não devorei o livro xD

Um resumo rápido do livro, não vou ficar fazendo sinopse do livro porque tem por aí aos montes… Novamente temos o Robert Langdon, que agora se envolve com os mistérios da maçonaria, um tal de Mal’akh que articula vários eventos para que Langdon o ajude a decifrar e revelar o segredo da Pirâmide Maçônica e obter o poder dos Antigos Mistérios. Outro personagem importante é Katherine Solomon, cientista teórica das ciências noéticas (até ler esse livro desconhecia essa ciência…) que ajuda Langdon a decifrar o mistério. No mais, se falar muito estraga.

 

É Agora… Ou Nunca de Marian Keyes

 Ah! Esse é o tipo de livro que classifico como livro de menininha. Pois é, apesar desse meu jeito macho de ser, gosto de coisas de meninas também tá (na verdade com meu gosto eclético é dificil achar algo que não goste, vocês vão ver pelos tipos de livros que vão aparecer nas próximas postagens xD).

Então, Marian Keyes para quem não sabe é uma escritora irlandesa que creio eu, estourou por aqui com o livro Melancia lançado no Brasil em 2003. Ano passado li os quatro livros dela anteriores a esse (Melancia, Férias!, Sushi, Casório?!) todos pelo iPhone. E esse ano segui a sequencia com É Agora… Ou Nunca.  A autora entra no mesmo esquema de Dan Brown, achou uma fórmula e segue ela em todos os livros, as histórias são sempre parecidas, coisas relacionados com o cotidiano, vida de solteira, divórcio, crecimento profissional, relacionamentos, casamento, filhos, problemas com drogas, vício em alcoolismo e por aí vai.

A história de É Agora… Ou Nunca é principalmente sobre três amigos, Tara, Katherine e Fitan que nasceram na Irlanda e foram para Londres em busca de crescimento profissional. Tara namora um sujeito folgado que só reclama e ainda fala mal dela (chama ela de gorda!). Katherine é bem resolvida com sua vida de solteira, porém teve uma decepção amorosa aos 19 anos que deixou cicatrizes que ainda não foram curadas. Fitan é homossexual, nunca escondeu isso, só que adquiri uma séria doença, sendo assim ele estimula as duas amigas a mudarem suas vidas de forma que elas aproveitem o máximo.  Marian Keyes conta as mudanças na vida dessas três pessoas de forma discontraída e cômica. Tipo de leitura rápida e divertida que eu adoro.

Esses foram os livros do mês de janeiro, espero ler bastante livros esse ano, dos mais variados gêneros, vou postando aqui para vocês acompanharem e comentarem, aceito recomendações nos comentários, só não prometo que lerei logo xD

Read Full Post »

Pra acabar com a vida do sujeito! Só pode…

Bom, pelo menos é mais ou menos assim comigo.  Eu bem que tentei me manter longe desse jogo, pois eu sei o que jogos desse tipo fazem com a minha pessoa, é vício na certa. Skyrim é o tipo de jogo que me consome ao extremo. Mas de tanto ver o povo comentar, de tanto vídeo surgindo, de tanto blablabla e I took an arrow in the knee, que no final do ano passado não resisti e tive que comprar a versão de Skyrim de pc no steam.  E como a Lei de Murphy impera uma semana depois de ter comprado o jogo, ele entra em promoção… fazer o que, faz parte…

Voltando ao jogo,  Skyrim é aquele tipo de jogo que dificilmente irei dar final se não me concentrar, isso porque eu tenho um problema sério, onde eu quero fazer todas as quests, treinar todas as skills, comprar casas, etc… Quem já jogou Ultima Online comigo sabe muito bem o quanto eu tenho problema em ficar subindo skills por mais inútil que ela seja… Fora esse fator, quando vicio em algum jogo tudo ao redor começa a me lembrar o jogo, estou andando e olho pro céu e de repente vejo um pássaro lá no alto bem longe, aí eu penso, nossa até lembra um dragão… e começo a sonhar com dragão, e por aí vai…

Quando vi que iria sair uma Collector’s Edition (CE) de Skyrim, pensei “eu quero uma dessas pra mim”, e não deu outra, quando vi o jogo em promoção no eStarland não resisti e tive que comprar. Comprei a versão para o xbox 360. Fiquei meio apreensiva, pois pelo tamanho do pacote a probabilidade da encomenda ser taxada é enorme. Mesmo assim, calculei mais ou menos quanto daria de taxa e já contava que iria desembolsar essa parcela. Mas pela glória de todos os Dragonborns, eis que a caixona com a divina CE (que tinha mais de 6kg), não foi taxada *-* e chegou em 14 dias desde a data de envio.

Além da estatueta perfect do Alduin, o artbook que vem é fabuloso, com a capa meio que imitando couro envelhecido, símbolo em alto relevo, e as artes uma mais linda que a outra. Vem um bonus disk com um documentário/making of. E ainda tem um mapa de Skyrim, que deu vontade de eu pendurar na parede da minha sala xD

Abaixo algumas fotos da minha CE de Skyrim:

  
    
     
 
Pensei em fazer um vídeo de unboxing, mas como eu não curto esse negócio de gravação, de falar, e ainda tem o fator preguiça, resolvi só tirar essas fotinhas mesmo. Mas deixo aqui recomendado dois vídeos de unboxing que achei ótimos: o da Vivi Werneck do Girls of War e do Theo Medeiros do Portallos.

Desde o ano passado comecei a comprar algumas CE de jogos. Estou pensando em ir postando aqui aos poucos. Sei que o blog ficou parado por muito tempo (último post tem quase 1 ano!), mas vamos ver se esse ano eu consigo dar uma atualizada nisso aqui 🙂

Ah, devo ter em torno de 80 horas de jogo (no pc), meu char é um Nord, level 36, Líder dos Companions, me aliei aos Imperials, sou Bardo, faço parte da Guilda dos Ladrões e Dark Brotherhood. E a única skill que consegui gmzar (pode usar esse termo?) até agora foi smithing, atualmente treinando enchantment.

Então é isso pessoal, FUS RO DAH!

Read Full Post »