Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘jogos’

Pra acabar com a vida do sujeito! Só pode…

Bom, pelo menos é mais ou menos assim comigo.  Eu bem que tentei me manter longe desse jogo, pois eu sei o que jogos desse tipo fazem com a minha pessoa, é vício na certa. Skyrim é o tipo de jogo que me consome ao extremo. Mas de tanto ver o povo comentar, de tanto vídeo surgindo, de tanto blablabla e I took an arrow in the knee, que no final do ano passado não resisti e tive que comprar a versão de Skyrim de pc no steam.  E como a Lei de Murphy impera uma semana depois de ter comprado o jogo, ele entra em promoção… fazer o que, faz parte…

Voltando ao jogo,  Skyrim é aquele tipo de jogo que dificilmente irei dar final se não me concentrar, isso porque eu tenho um problema sério, onde eu quero fazer todas as quests, treinar todas as skills, comprar casas, etc… Quem já jogou Ultima Online comigo sabe muito bem o quanto eu tenho problema em ficar subindo skills por mais inútil que ela seja… Fora esse fator, quando vicio em algum jogo tudo ao redor começa a me lembrar o jogo, estou andando e olho pro céu e de repente vejo um pássaro lá no alto bem longe, aí eu penso, nossa até lembra um dragão… e começo a sonhar com dragão, e por aí vai…

Quando vi que iria sair uma Collector’s Edition (CE) de Skyrim, pensei “eu quero uma dessas pra mim”, e não deu outra, quando vi o jogo em promoção no eStarland não resisti e tive que comprar. Comprei a versão para o xbox 360. Fiquei meio apreensiva, pois pelo tamanho do pacote a probabilidade da encomenda ser taxada é enorme. Mesmo assim, calculei mais ou menos quanto daria de taxa e já contava que iria desembolsar essa parcela. Mas pela glória de todos os Dragonborns, eis que a caixona com a divina CE (que tinha mais de 6kg), não foi taxada *-* e chegou em 14 dias desde a data de envio.

Além da estatueta perfect do Alduin, o artbook que vem é fabuloso, com a capa meio que imitando couro envelhecido, símbolo em alto relevo, e as artes uma mais linda que a outra. Vem um bonus disk com um documentário/making of. E ainda tem um mapa de Skyrim, que deu vontade de eu pendurar na parede da minha sala xD

Abaixo algumas fotos da minha CE de Skyrim:

  
    
     
 
Pensei em fazer um vídeo de unboxing, mas como eu não curto esse negócio de gravação, de falar, e ainda tem o fator preguiça, resolvi só tirar essas fotinhas mesmo. Mas deixo aqui recomendado dois vídeos de unboxing que achei ótimos: o da Vivi Werneck do Girls of War e do Theo Medeiros do Portallos.

Desde o ano passado comecei a comprar algumas CE de jogos. Estou pensando em ir postando aqui aos poucos. Sei que o blog ficou parado por muito tempo (último post tem quase 1 ano!), mas vamos ver se esse ano eu consigo dar uma atualizada nisso aqui 🙂

Ah, devo ter em torno de 80 horas de jogo (no pc), meu char é um Nord, level 36, Líder dos Companions, me aliei aos Imperials, sou Bardo, faço parte da Guilda dos Ladrões e Dark Brotherhood. E a única skill que consegui gmzar (pode usar esse termo?) até agora foi smithing, atualmente treinando enchantment.

Então é isso pessoal, FUS RO DAH!

Anúncios

Read Full Post »

Provavelmente quem costuma frequentar meu blog é porque tem interesse em jogos, já que a maioria das pessoas que sempre dá um pulinho aqui, ou eu conheci através de outros blogs relacionados à games ou trocando ideia sobre games no twitter. Se você é um desses que acompanham notícias sobre videogames diariamente, certamente você já ouviu falar no projeto Jogo Justo, e sabe que no dia 29/01/11 ocorrerá o Dia Nacional do Jogo Justo. Mas como divulgar não custa nada, quem sabe com esse post, alguém desinformado fique atualizado e passe a ser mais um adepto deste projeto.

Caso você não saiba o que é o projeto Jogo Justo:

Fundado por Moacyr Alves Jr. com apoio do deputado Luís Carlos Busato, o Jogo Justo foi criado dentro de uma comunidade e independe de ordem política, empresarial e da geração de lucros. O projeto Jogo Justo é uma iniciativa que busca diminuir a carga tributária nos jogos eletrônicos importados vendidos no Brasil, que chega aos 72,18%. A intenção é mostrar, por meio de um relatório baseado em informações comerciais de desenvolvedores e lojistas, que o mercado de games nacional tem um enorme potencial. Como comparação, será utilizado o que ocorreu no México, onde o mercado de jogos cresceu 8 vezes após a diminuição da carga tributária. O projeto Jogo Justo visa diminuir o preço dos games, dos aparelhos de videogame e de seus periféricos, fazendo assim com que o consumidor final tenha cada vez mais contato com os games, forma de cultura cada vez mais disseminada no mundo. Como consequência disto, o mercado nacional brasileiro irá se desenvolver, além da possibilidade de mais produtoras se instalarem no Brasil, gerando, de forma gradativa, mais empregos no setor.

Fonte: tio wikipédia

Agora, depois de explicado aos senhores “eu não sei nada do que se passa no mundo dos gamers”, podemos falar do evento. Pois então, o Dia do Jogo Justo contará com um completo ciclo de palestras, debates, atividades e exposições focando todos os aspectos da indústria, comércio e cultura dos videogames. Estas atividades irão ocorrer simultaneamente em diversos pontos de todo o país durante o decorrer do dia 29/01/11.

Segue a programação do Dia do Jogo Justo, retirada do site oficial do projeto.

 


.

São Paulo

Faculdade Impacta
Rua Arabe, 71 – Sta Cruz
Próximo a estação de Metrô Sta Cruz

Ciclo de Palestras e Debates

9:00 – Abertura oficial – Solenidade e Apresentação do Jogo Justo e Acigames – Moacyr Alves Junior

9:30 – Palestra Tributos Eletronicos – Dr. Marcos Chien

10:00 – Palestra Os Jogos na educação – Jaderson / ONG Jogos Pela Educação

10:30 – Games e Liberdade de Expressão – Arthur Protásio

11:00 – Palestra Adobe

11:30 – Palestra Concept Art para Jogos Digitais Kao Tokio

12:00 – Debate com integrantes da Acigames

13:00 – Almoço

14:00 – Oficina Pensar e criar games – Sabrina Carmona, Thais Weller e Ana paula Severo

14:30 – Palestra Games e Artes – Escola Saga.

15:00 – Palestra Autodesk (palestrantes internacionacionais)

16:00 – Quiz Games

17:00 – Seleção de videos “Loucos por jogo justo”

17:30 – Espaço Impacta

18:00 – Encerramento

Salas de Exposição e Atividades

Espaço Impacta

Espaço Saga

Espaço ONG Jogos pela Educação

Oficinas musicais Chipmusic (Andre Pagnossim, Dred V e Eduardo)

Espaço Trilha sonora para games por Thiago Adamo / Pixel DJ

Espaço Camisetas Oficiais Jogo Justo

Espaço Empresas Nacionais de Jogos


.

Porto Alegre

UNISINOS Porto Alegre – CIEE
Av. Dom Pedro II, 861
Salas 604 e 605, 6º andar
Porto Alegre/RS – 90550-142
(51) 3590-8898 ou (51) 3591-1122 ramal 4140

Ciclo de Palestras

13:30 – Desenvolvimento rápido de jogos 2D com GameMaker – Mauricio B. Gehling

14:30 – Oficina: desenvolvendo criaturas fantásticas para jogos e animação (desenho) – Daniel HDR


.

Belo Horizonte

PUC Minas
Anel Rodoviário Km 23,5 – Rua Walter Ianni, 255
São Gabriel – Belo Horizonte – MG

Atividades

Durante todo o período da manhã, será realizada a “Mostra de Dispositivos de Interação”, com antigos e novos consoles para experimentação dos presentes.

Dentre os dispositivos, estarão disponíveis Telejogo, Atari 2600, Master System I, Super Nintendo, Nintendo 64, XBox 360, e Wii.


.

Recife, Salvador, Brasília e São Paulo (Lapa e Tatuapé)

Escolas SAGA
Verificar endereços em http://www.saga.art.br

Atividades

As unidades mencionadas da Escola SAGA estarão oferecendo um treinamento gratuito a escolher. O treinamento deve ser agendado previamente pelo interessado, diretamente com a unidade.


.

Além desses eventos, assim como ocorreu no ano passado, haverá uma pequena abertura de vendas online de jogos a preços bastante acessíveis. Tá rolando no Fórum UOL comentários sobre preços e quantidades, não sei se é verdadeiro, mas saiu também no Blog WiiClub, então segue nem que seja por curiosidade:

  • Nintendo DS: 34 títulos em promoção, total de 13 mil peças no país
  • Playstation 3: 26 títulos em promoção, 20.100 peças, títulos a preço variando de 49 reais até 99 reais, mais de uma leva de jogos
  • Nintendo Wii: 13 títulos, 7 mil peças, preço variando de 49 até 79 reais
  • PSP: 5 títulos em promoção, 1.500 peças, preço variando de 49 a 79 reais
  • Xbox 360: 33 títulos em promoção, 19 mil peças, preço variando de 49 a 79 reais
  • PC: 5 títulos em promoção, 5 mil peças, preço único de R$ 19,90
  • Playstation 2: 6 títulos em promoção, total de 6.100 peças, preço único de R$ 29,90
  • Acessórios: controles DualShock 3; controles Xbox 360; guitarras Guitar Hero; mesas DJ Hero; bundles Rock Band
  • Lojas Participantes: Walmart (só site), NC Games (fornecedora das lojas), Zap Games, UZ Games, Megalogame, GameTech, Magic Games, OVNI Games e Miranda Computação. As vendas começam a partir das 10h da manhã e terminam até acabarem os estoques.

Acho muito legal o avanço deste projeto que repercurte cada vez mais na mídia, tentando alcançar a todos. Eu, como gamer desde que me conheço por gente, ficarei muito feliz quando os objetivos deste projeto se concretizarem, fazendo com que os brasileiros possam com seus salários  de merda ao menos conseguir comprar seus jogos por um preço acessível. Por exemplo, eu mesmo não compro jogos por aqui há tempos (acho que o último foi o Rock Band Beatles, mas porque esse ficava difícil pra importar né xD)… Desde que consegui um cartão internacional, praticamento só compro meus jogos lá fora, pois são abusivos os preços daqui… Então, você que também é gamer, vamos apoiar, colaborar, divulgar, e JOGO JUSTO neles!

Read Full Post »

É incrível como a mídia tem o poder de persuasão, o modo como é escrito a matéria, como impõe e manipula as informações…
É só aparecer alguma criança/jovem/adulto/whatever fazendo besteira, passando mal ou até coisas piores como terminar em morte, para a mídia lançar os jogos como os vilões da história…

O menino que morreu ao fugir de casa porque os pais lhe tiraram seu Xbox 360, o garoto que teve um colapso após jogar 24hr World of Warcraft e por aí vai…
Nesses dois casos, para mim, a culpa é dos pais… Afinal quem foi que deixou os meninos ficarem viciados até este ponto? Pais que no mínimo, não estão nem aí para o que filho anda fazendo, ainda mais se a criança fica ali no cantinho sem pertubar… Eu jogo desde meus 6 anos de idade, muitos até mesmo que não eram ideais para a minha idade na época, e nem por isso saí por aí atirando nos outros ou ficando horas a fio até passar mal e ter um colapso…

Jogar até me acabar, não foi porque eu não quisesse, e sim, porque meu pai me colocava limites. Era assim, se ele percebesse que eu estava jogando muito além da conta, ele simplesmente mandava um “ou você maneira ou eu tiro o videogame”, pronto! Eu ficava zangada com ele mas jogava só algumas horas por dia e tava tudo resolvido… Os pais existem para nos dar diretrizes de como certas coisas nos fazem bem ou mal.

Ah mas no caso do garoto do Xbox 360 os pais lhe tiraram o videogame! Sim, tiraram… Tiraram depois que o dito cujo já estava freneticamente viciado, já tentaram mandar alguém parar com seu vício? de fumar.. de beber… a pessoa não consegue de uma hora pra outra, e se corta-lhe o vício de vez, de uma hora pra outra, muitas chegam a surtar. Se adultos tem esse comportamento, quem dirá uma criança… Se os pais ao invés de tentarem tirar o videogame tivesse controlado o tempo que o menino ficava jogando, talvez este incidente não tivesse acontecido…

Pelo amor de Deus, crianças não tem noção de limites, se você der 10 barras de chocolate para uma criança, ela vai comer as 10 barras, uma atrás da outra, sem saber que depois isto irá lhe fazer mal… Cabe aos pais por os LIMITES. Sinceramente, para mim, isso tudo acontece por negligência dos pais, e estes para não assumirem a culpa, colocam-na em outras coisas, nesses casos nos jogos. Foram o jogos que influenciaram e mataram o seu filhinho… Malditos jogos, jogos são malvados! A sociedade é violenta por causa dos jogos!

Quando não se tem peito para assumir a culpa, o ser humano tende a colocá-la em outra coisa/pessoa. E quem pagou o pato mais um vez foram os jogos…

Read Full Post »

Uma coisa que todos costumam me perguntar: mas qual é a graça de ficar jogando? Perda de tempo isso! Em vez de sair, conhecer pessoas, fica aí só dentro de casa jogando essa coisa que não te agrega nada…
Sempre que me falam isso tento explicar que antes de tudo, o que mais curto em jogar, são as amizades que isso pode proporcionar. Teve uma fase de minha vida, época do ensino médio e tal, que eu meio que abandonei os videogames e me rendi ao vício da internet. Época do mirc (o icq não cheguei a usar), canal macaé, e como não poderia faltar, os jogos online! Foram tantos jogos, mas alguns deles se destacam pelas amizades que criei e rendem até hoje.  Um dos jogos que mais fui viciada era o Ultima Online(UO), esse foi o karma da minha vida! Aquele vício que a gente deixa de viver e vira um completo zumbi, que eu chamo de fase obscura de minha vida. Lógico que tiveram também belas amizades e historinhas que merecem ser lembradas…

Um belo dia o UO resolveu parar de rodar no meu pc, milagre divino? talvez.. Poderia ser minha salvação… E nessa abstinência de UO que tava quase me matando, um amigo, o Overlord, me apresentou um certo joguinho, o Gunbound(GB). Na época era o servidor Internacional (GIS), depois mudou para o Brasil, e uma coisa que sempre falo é, veio para o Brasil, estraga… Esse jogo simples, ferrado, cheio de cheaters, “hackers” (na verdade lammers que se acham os hackers..), pentelhos arrogantes e por aí vai…. Apesar de todos esses pontos negativos, o GB é o jogo que mais fiz amizades. Alguns pude conhecer pessoalmente como o sergim que sempre tento encontrar quando eu tenho reuniões no RJ Capital, a tia stef e a mary que conheci quando fui à um encontro de Engenharia de Produção em Belo Horizonte, a dani que veio pra Macaé! Conhecer a minha roça, a clari que conheci quando fui visitar meus parente lá em Curitiba-PR, e assim pretendo conhecer vários outros que hoje ainda tenho contato, mesmo a gente ter parado de jogar (tá as vezes eu ainda entro lá pra fazer umas joças)…  Bom, além de amizades foi no GB que conheci o alex, amor da minha vida! xD

As pessoas acham engraçado quando eu respondo, ah eu conheci meu namorado na internet… bom foi num jogo! hehehe

E Elas falam, vindo de você só poderia né.. A garota que vive na internet. A garota dos jogos…

Bom esse post foi só para dizer mesmo, que foi por causa de um jogo, que minha vida mudou completamente, não só pelas amizades, por exemplo, o sergim que eu falo todo dia, muito mais que eu falo com amigos que vivem aqui na minha cidade, sabe muito mais coisas de minha vida que alguns que moram aqui, como também, por ter conhecido a pessoa que eu quero viver o resto de minha vida. E no dia 12 de outubro, quando a gente completou 2 anos de namoro, passamos de namorados para noivos. Sim, estamos noivos 😛

E antes que alguém pergunte, não sabemos ainda quando sai o casório, afinal, são quilometros que nos distanciam, eu em Macaé-RJ e ele em Campinas-SP, então primeiro temos que resolver, quem vai pra onde e outras coisas como emprego e tal… Mas acho que mais importante do que ter a data de casamento marcada para sermos noivos, é a nossa consciência de que o que queremos, é viver juntos. E quem diria, que tudo começou em um jogo…

Como eu não achei screens nossos no GB então vai nosso buddypoke! xD

Como eu não achei screens nossos no GB então vai nossos buddypoke! xD

 

Read Full Post »